Gravidez & Bebés No avião

Viajar com bebé – 6 Dicas para viagens de avião

Viajar com bebé, sim ou não? É uma dúvida que vários pais têm. Já tínhamos abordado este tema aqui e hoje voltamos a ele. Muitos pais têm vontade, mas quando começam a ouvir/ler sobre possíveis problemas, surgem os receios, e o seu primeiro instinto é o de proteção do bebé e ficam paralisados.
Não há dúvida, que um viajante habitual, leva os seus filhos mais facilmente, do que alguém que viajou menos. A razão é tão só, a experiência. No entanto, o espirito de aventura deve prevalecer, e se tiver de levar uma montanha de objetos, leve tudo, mas vá!

6 Dicas sobre o que deve fazer e não deve fazer nas viagens de avião:

Deve Fazer:

1- Leve sempre fraldas suficientes. Embora saibamos mais ou menos quantas fraldas usamos por dia, nunca se pode prever com exatidão o que vai acontecer dentro do avião. No mínimo mais 3. Leve um saco pronto para mudar a fralda com: as toalhitas/compressas, desinfetante das mãos (a água da torneira do WC não é potável), saquinhos de plástico e o creme muda-fraldas. Assim, pega só nesse “kit” e tem tudo à mão.

2- Leve snacks saudáveis consigo, como fruta, bolachas caseiras, etc. E água.

3- Mentalizar-se que apesar de uma organização e preparação impecável, os imprevistos e as birras podem acontecer. Não dê tanta importância.

4- Abrace alguma tecnologia. Livros, filmes, jogos didáticos e música, podem hoje em dia estar todos juntos num simples e leve tablet.

5- Chegue cedo quando viajar com bebé. Assim evita stress no aeroporto, pode aproveitar o tempo livre para mudar uma fralda, o bebé pode bolsar e ter de mudar a roupa, dar de mamar/biberon, etc.

6- Leve um Plane Pal ou uma Bedbox. E espere que umas quantas horas de sono do bebé, sejam um bónus. Assim vão logo preparados para ficar atentos e ocupados o voo todo. Custa menos, psicologicamente.

viajar com bebé
Bedbox

Não deve fazer:

1- Contas que o avião tem fraldas à venda, ou quaisquer produtos de bebé. Existem algumas fraldas e potes de comida para bebé, em pouca quantidade e variedade, para alguma “emergência”.

2- Dar comida rica em açúcar. Especialmente porque não precisamos de um bebé cheio de energia a 40.000 pés de altitude.

3- Ligar aos olhares ou comentários menos simpáticos dos outros passageiros.

4- Esquecer folhas e lápis de colorir, e ofereça sempre em primeiro lugar. Porque após surgir o tablet, é mais difícil voltar aos desenhos.

5- Esperar ajuda. Se tiver, melhor! Mas normalmente, tem só os seus braços para segurar o bebé, fechar o carrinho e ainda carregar os sacos.

6- Ignorar o sono do bebé/criança ou dar medicamentos para dormir. Ignorar o sono da criança, não o ajudando a dormir (fechar a janela, apagar luzes de leitura, embalar, etc) só pode terminar em duas coisas: birra ou adormecer exausto quando o avião está a aterrar. Dar medicamentos que induzem o sono, pode resultar no efeito contrário ou retardado, além de ser pouco saudável, recomendável e seguro. Pessoalmente achamos, até desnecessário.

viajar com bebé na turkish airlines
Turkish Airlines

Bons Passeios!

Vai gostar de ler:

Posso levar a sopa do bebé no avião?
10 Desculpas para não viajar com bebés VS 10 Dicas

Escrito por

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Gostou do blog? Partilhe :)